Você sabia que o baião de dois é um prato típico do Ceará e é bastante apreciado em toda a região Nordeste, especialmente na Rota das Emoções? Ele é preparado tradicionalmente com feijão verde (preferencialmente), arroz e queijo coalho e, em certos lugares, um pouco de nata e carne seca. Esse é um dos meus pratos favoritos e agora compartilho com vocês minha Receita de Baião de Dois da Rota das Emoções.

A maioria das versões da receita tradicional de baião de dois leva carne-seca e bacon nos ingredientes, sempre refogado na manteiga de garrafa. No Ceará, não me perguntem o motivo, eles simplesmente não adicionam essas carnes, para a alegria dos vegetarianos. Durante as Expedições da Rota das Emoções esse prato é presença certa nos restaurantes por onde passamos, cada um com sua receita especial.

Quando você fizer essa receita de baião de dois em casa, a dica que dou é acrescentar bastante alho e cebola no refogado, e cebolinha pra finalizar. Você pode acompanhar com peixe ou carne grelhada, e salada. Ou simplesmente comer o baião de dois puro, sem nada! Ele pode ficar ainda mais gostoso com queijo parmesão por cima.

O feijão com arroz é uma mistura simples e saborosa que faz parte do dia a dia da cozinha brasileira. Essa mistura resultou num casamento perfeito. Dai a origem do nome “baião”, que vem da dança e estilo musical típicos do Nordeste. Veja agora minha Receita de Baião de Dois da Rota das Emoções.


Ingredientes

  • 1/2 kg de feijão verde
  • 1 paio cortado em rodelas
  • 2 tabletes de caldo de carne
  • 1 cebola ralada
  • 1 dente de alho amassado
  • 3 colheres (sopa) de óleo (ou manteiga, preferencialmente de garrafa)
  • 1/2 colher (sopa) de coentro picado
  • 2 xícaras e 1/2 (chá) de arroz lavado e escorrido
  • 150 g de queijo coalho cortado em fatias finas (veja a dica extra no final)
  • 100 g de nata fresca (opcional)

Modo de Preparo do Baião de Dois

  1. Deixe o feijão de molho de véspera (24hs). No dia seguinte cozinhe-o juntamente com o caldo de carne e 2,5 litros de água fria.
  2. Tampe a panela e deixe cozinhar em fogo baixo por aproximadamente 1 hora.
  3. Em outra panela doure o paio, a cebola e o alho, no óleo (ou manteiga de garrafa). Junte o coentro e o arroz e refogue bem. Acrescente o feijão já cozido, juntamente com o caldo. Misture bem, tampe a panela e deixe cozinhar até que o arroz fique cozido, úmido e com consistência cremosa.
  4. Se desejar, acrescente e misture a nata neste momento.
  5. Cubra o arroz com as fatias de queijo. Tampe a panela novamente e deixe que o vapor derreta o queijo.
  6. Sirva acompanhado de carne-de-sol frita ou assada. Ou como prato principal também. É de comer rezando!
  7. Se quiser, finalize com um crispy de queijo parmesão (é só torrar na frigideira).

Dica extra do Queijo Coalho

O queijo coalho ou queijo de coalho é de origem nordestina e faz muito sucesso no Brasil inteiro por causa do seu sabor e textura inconfundíveis. Ele se mantém firme depois de assado ou grelhado e, por isso, os espetinhos de queijo coalho são muito apreciados nos churrascos e nas praias. Coberto com melaço ou mel fica ainda mais saboroso.

DICA DE OURO: Uma dica extra para o preparo da Receita de Baião de Dois da Rota das Emoções, é cortá-lo em fatias finas ou cubinhos e grelhá-los no azeite ou manteiga antes de colocá-lo na panela ou antes de servir na mesa.

Agora que você já sabe como fazer baião de dois, faça essa receita típica da Rota das Emoções e diga pra mim como ficou. Eu fiz e ficou uma delícia. Me conta nos comentários quando você fizer a sua.

Receita de Baião de Dois da Rota das Emoções
Receita de Baião de Dois da Rota das Emoções

Foto da capa: Senado Federal, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons.



Você também pode gostar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.